domingo, 29 de agosto de 2010

Resenha: Eu Sou o Mensageiro de Markus Zusak

Eu fiquei meio atônita assim que terminei de ler Eu Sou o Mensageiro (The Messenger) do escritor australiano Markus Zusak. Provavelmente foi o livro mais diferente que eu já li. Pesquisando críticas da obra na internet percebi que a história gerou impressões extremas nos leitores: uns amaram e outros odiaram. Eu me encaixo na categoria dos que amaram!

O livro conta a história de Ed Kennedy, um taxista de 19 anos, que depois de ficar relativamente famoso em sua cidade por impedir um assalto a banco começa a receber cartas (de baralho) anônimas, com inscrições por vezes sem sentido, que o leva a pessoas que de alguma maneira necessitam de ajuda.

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Dica de cinema - Meu Malvado Favorito (Despicable Me)

Sou fã de cinema. Sou fã de desenho. Desenho passado na telona do cinema então... adooooro! Especialmente quando a produção é uma obra de qualidade como Meu Malvado Favorito (Despicable Me). O filme, da Universal Pictures, teve sua estréia aqui no Brasil no dia 6 de agosto, disponível em tecnologia 3D.

A animação conta a história de Gru, um dos maiores vilões do mundo, que se vê ameaçado pelo novato Vetor, ladrão das pirâmides do Egito. Para voltar ao posto, o ambicioso plano de Gru é roubar a Lua e, para tal, precisa conseguir uma arma que diminui o tamanho das coisas. A arma vai parar nas mãos, justamente, de Vetor.

Ao perceber que três garotinhas órfãs têm livre acesso à casa de seu inimigo, Gru resolve adotá-las, com interesse no que elas podem conseguir para ele. Acontece que elas despertam nele o extinto de paternidade, sentimento com o qual ele não sabe lidar.

Para mim, uma das melhores animações de 2010 (ano que lançou os fracos Shrek Para Sempre e Toy Story 3, por exemplo). As cenas são muito engraçadas e os personagens, especialmente as órfãs (Margo, Agnes e Edith), cativam os expectadores.

O vilão consegue atrair o público apesar das excentricidades: é feio, atrapalhado, malvado (pelo menos no início) e tem um forte sotaque estrangeiro. Para ajudá-lo nos seus planos ele conta com a ajuda de um inventor maluco e de seu exército de minions (bichinhos amarelinhos engraçadíssimos!).

Os atores escolhidos para dublar os personagens principais (na versão original) são conhecidos do público:


Steve Carell (Gru)

Jason Segel (Vetor)

Miranda Cosgrove (Margo)

Um filme para toda a família! Recomendo!

Confira o trailer legendado (detalhe: o trailer não faz jus ao filme. Má escolhas de cenas):


segunda-feira, 9 de agosto de 2010

Resenha: Os Imortais 1 - Para Sempre de Alyson Noel

Mais um livro romântico com um tema sobrenatural: Para Sempre (Evermore) da escritora americana Alyson Noel. A obra faz parte da série de livros Os Imortais (The Immortals), que teve no último mês o lançamento da continuação aqui no Brasil, pela editora Intrínseca, chamada Lua Azul (Blue Moon).

O livro conta a história de Ever Bloom, uma adolescente que tinha uma vida perfeita: era uma garota popular, acabara de se tornar líder de torcida do principal time da escola e morava numa casa maravilhosa, com o pai, a mãe, uma irmãzinha e a cadela Buttercup. Até que um desastre de automóvel mudou tudo e transformou sua vida num pesadelo angustiante.

Ever perdeu toda a sua família. Mudou de cidade, de escola e de amigos. Para piorar, após o acidente, ela adquiriu dons especiais. Ever agora enxerga a aura das outras pessoas, pode ouvir seus pensamentos e, com um simples toque, é capaz de conhecer a vida inteira de alguém. A única pessoa que consegue livrá-la temporariamente de seu dom é Damen, um novo aluno sedutor que esconde um mistério.

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Dica musical: “Misery” Remixes, Maroon 5

Uma dica rapidinha, mas fantástica: o Maroon 5 está disponibilizando no site oficial da banda o download gratuito de duas versões remixadas da música Misery (que fará parte do novo cd Hands All Over, com lançamento previsto para setembro). Para fazer o download é preciso preencher data de nascimento, email e pronto!

As músicas estão muito boas, bem diferentes uma da outra: "Misery" (Diplo Put Me Out Of My Misery Mix) e "Misery - The Elements remix". Eu recomendo!

Comentários: True Blood 3x07 - Hitting the ground

Estando na última metade da terceira temporada, True Blood ganha mais fôlego e mostra o porquê de ser uma das melhores séries sendo transmitidas atualmente. Foi ao ar no domingo, dia 1/08, pela HBO americana, o episódio Hitting the ground, o sétimo da temporada.

A série está mais bizarra do que nunca! O diretor Alan Ball deu uma maneirada nas cenas explicitas de sexo, provavelmente, pois está numa fase mais sangrenta. Nunca vi True Blood assim, com tanta morte, sangue escorrendo, decapitação etc... e olha que estou falando de uma série sobre vampiros!!!

Spoilers!

Este episódio não fugiu demais do enredo dos livros de Charlaine Harris, mas conseguiu a façanha de ser original e criativo!

Estou adorando a redenção dos personagens fracos da trama: Sam e Tara. Sam ao enfrentar cães ferozes para salvar a vida de seu irmão e Tara que enfrentou vampiros, lobisomens e uma metaforma.

Lorena finalmente morreu e, assim como no livro, pelas mãos de Sookie (a única diferença é que no seriado ela teve uma mãozinha do chato do Bill). Falando em Bill, o que foi aquele lance dele tomar quase o sangue todo da Sookie!? Na minha opinião, muito melhor do que estuprá-la (como acontece no livro). Só não entendi o lance dele não queimar ao sol... hum, tô sentindo mais mistérios por vir!
O que o seriado está fazendo com o Eric??? Está tornando o meu vampiro-viking-gostosão-pegael num super vilão. Não tô gostando disso!!! O lado bom é que agora ele é um dos poucos que sabem o que a Sookie realmente é. (E quem já leu pelo menos até o 6° livro já sabe o que tem no sangue dela).
Sookie não tem tipo sanguíneo? Adorei! Achei uma sacada super legal. Aumenta o mistério! As cenas na “FairyLand” foram show de bola! Só não curti a atriz escolhida para interpretar a Claudine. Quando li os livros, pela descrição da autora, eu a imaginei tão mais sensual, mais mulherão, sabe? Ficou estranha!

Agora preciso dizer: o seriado conseguiu deixar a Debbie ainda mais irritante e desprezível que nos livros. Fato! Ôh, mulherzinha chata e barriguda! #ProntoFalei

As cenas no Fangtasia encerraram com chave de ouro o episódio... e deixou ainda mais bizarro a temporada. Mas é legal ver que o sarcasmo e petulância de Eric também existem na Pâm. É como se diz “tal ‘criador’, tal ‘criatura’”. hehe

Enfim, o episódio foi muito legal! True Blood está voltando ao patamar que o tornou o sucesso que é hoje!

Confira o trailer do episódio 8, que será transmitido na HBO americana na semana que vem:

terça-feira, 3 de agosto de 2010

Trilha Sonora: Transformers 2: A Vingança dos Derrotados

Sempre que possível vou dar uma comentada aqui em algo que, confesso, sou viciada: trilhas sonoras! Adoro ficar reparando nas músicas que tocam em filmes e seriados! Uma das mais “recentes” que eu tenho e gosto DEMAIS é a trilha sonora do filme Transformers 2: A Vingança dos Derrotados (Revenge of the Fallen), lançada em 2009. O filme é estrelado por Shia LaBeouf e Megan Fox e foi dirigido por Michael Bay.

A trilha conta com algumas bandas que também contribuíram no primeiro filme como os sempre maravilhosos Linkin Park, The Used (responsáveis pela melhor música da trilha, em minha opinião) e Taking Back Sunday. Além deles, o cd conta com bandas talentosíssimas e muitas das quais sou fã como Nickelback, Green Day, Staind, The Fray, All-American Rejects, Hoobastank entre outros!

A maioria das músicas da trilha é carregada de guitarras e baterias, bem agitadas mesmo. Para quem não viu, o filme tem muitas cenas de ação (até mais que no primeiro longa), então a trilha não poderia ser diferente para poder combinar com as seqüências de lutas, correria e destruições. Quem curte rock, vai gostar! Certeza!

Lista de músicas:

1. Linkin Park — New Divide
2. Green Day — 21 Guns
3. Cavo — Let It Go
4. Taking Back Sunday — Capital M-E
5. The Fray — Never Say Never
6. Nickelback — Burn It To The Ground
7. The Used — Burning Down The House (ADORO!)
8. Theory Of A Deadman — Not Meant To Be
9. The All-American Rejects — Real World
10. Hoobastank — Don’t Think I Love You
11. Staind — This Is It
12. Avenged Sevenfold — Almost Easy
13. Cheap Trick — Transformers™ The Fallen Remix

Detalhe, das 13 faixas só as músicas do The Fray e do Theory Of A Deadman são baladinhas. O resto é para ouvir no último volume mesmo!!!

Bom, é isso. Fica a dica! Recomendo!!!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Visitas

Link-me