quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Resenha: Menina de vinte, de Sophie Kinsella

Sempre fui fã de Sophie Kinsella desde Os delírios de consumo de Becky Bloom (resenhei no Por essas páginas). Ano passado comecei a me interessar por outros títulos da autora além da saga Becky e um dos que me encantou foi esse Menina de vinte.

Sinopse: Lara Lington sempre teve uma imaginação fértil. Agora ela começa a se perguntar se está ficando maluca de vez. Meninas normais de vinte poucos anos não veem fantasmas, né? Pelo menos era o que ela pensava até o espírito da tia-avó Sadie, que foi uma jovem dançarina de Charleston com ideias avançadas sobre moda e amor, aparecer misteriosamente com um último pedido: Lara precisa localizar um colar que foi dela por mais de 75 anos. Só assim tia Sadie poderá descansar em paz. Além de encontrar a joia, Lara tem que lidar com probleminhas do dia a dia: a sócia foi curtir um romance em Goa, sua empresa está afundando e ela acabou de ser abandonada pelo homem “perfeito”. Nesta divertida história, Lara e Sadie são duas meninas de vinte bem diferentes que vão aprender a importância dos laços familiares e da amizade (Fonte: Skoob).

Tudo começou quando a família Lington se encontrou no velório de Sadie, a tia-avó de 105 anos. De repente, Lara começa a ouvir uma voz perguntando sobre um colar. Qual não foi a surpresa dela quando deu de cara com uma jovem aproximadamente da sua idade, com roupas dos anos 20. Era o fantasma de Sadie Lancaster.

Então ela convence Lara a interromper o funeral - tudo bem que foi de um modo bem polêmico rsrs - e a encontrar o colar de Sadie.

A partir daí, enquanto Lara tenta dar um rumo em sua vida profissional e amorosa, ela também começa uma busca pelo paradeiro do colar - um enorme colar de contas, com um pingente de libélula cravejado de strass. Essa busca leva as duas a vários lugares diferentes e a conhecer um pouco a história da família Lington - e até a alguns segredos mais escabrosos.

No começo eu achei Sadie bem irritante. Um fantasma dos anos 20 que à primeira vista parecia muito mimada e orgulhosa. Ela foi me conquistando aos poucos, acho que também por influência de Lara, as duas juntas formam uma dupla e tanto.

Gostei da interação das duas personagens, embora Sadie às vezes deixasse Lara de cabelo em pé com determinadas situações como chamar um homem que ela nunca viu na vida para sair e ainda fazer com que Lara se arrume exatamente ao estilo dos anos 20 para esse encontro.

Menina de 20 é uma leitura leve, abordando o tema "assuntos inacabados pós-morte", por assim dizer, de uma forma engraçada. É muito engraçado ver o desesperado de Lara e Sadie, mas devo dizer que tive acessos de fofura com algumas partes e outras até quase chorei.

Simplesmente um dos meus favoritos de Sophie Kinsella!

Ficha técnica:
Título Original: Twenties Girl
Título Nacional: Menina de vinte
Autor: Sophie Kinsella
Ano de lançamento no Brasil: 2010
Editora: Record
Minha avaliação:

10 comentários:

poressaspaginas disse... [Responder comentário]

Oh! Twenties girl hahahahaha agoooora entendi!!

Tá na lista já, Lu!!

~Ily

Jaqueline de Marco disse... [Responder comentário]

Lú, ótima resenha, amiga!
Eu comprei esse livro por causa da sua recomendação, você sabe!
Eu simplesmente adoooooro a Sophie Kinsella... para mim, até agora, o melhor livro é The Undomestic Goddess, mas pelo que você escreveu sobre Menina de 20 acho que terei um novo "favorito". hehe.
Um beijão! S2

livrosdefantasia disse... [Responder comentário]

Adorei! Com certeza está na minha lista.

anaisa disse... [Responder comentário]

Gosto muito dos livros da Sophie, principalmente da séria da Becky!
Esse já tá na minha listinha há um tempinho, logo vou ler ele =)
Bjus.

Grazi Nayoara disse... [Responder comentário]

Jurava que o livro falava de outra coisa.
É que a capa é tão alegre. kkkkkkkkkkkkkkk

Ótima resenha =D

Lucy disse... [Responder comentário]

Ily e Mel, vcs ñ vão se arrepender de ler. ^^
Jaque, meu favorito também é The Undomestic Goddess, achei hilário e me identifiquei mto com a Samantha. rsrs
Anaisa, vc não vai se arrepender de ler, garanto. ;-)

Grazi, a capa é alegre, mas o livro não é deprê, mesmo tendo um fantasma como co-protagonista. rsrs Vai por mim, vc vai gostar.
Obrigada! ^^

Mar disse... [Responder comentário]

Oioi amore, fiquei um tempaço lendo seu outro post com a sua opnião sobre Calafrio... não entendi muito a história... enfim, o curso da história. Deixa a desejar???

Beijo. Mar.
www.letrasdesonhadoras.blogspot.com

Grazielle disse... [Responder comentário]

Ain se antes já estava loucaaaa por esse livro agora nem se fala neh.. vou ter q dar um jeito de ler logo... \o/

Mari disse... [Responder comentário]

Estou bem curiosa para ler esse livro, mas tenho tantos na lista... bom, acho que vou acrescentar mais um.

Bjos
Mari

Lany disse... [Responder comentário]

Eu AMO AMO AMO ESSE LIVRO!Um das melhores da Sophie, com certeza!
Eu acho que no início a gente leva um susto com a Sadie, principalmente com todo esse amor dela pelos anos vinte. Mas conforme ela vai interagindo com a Lara, não tem como não gostar dela, principalmente porque ela ajuda muito a Lara (e como ajuda hein hahaha!).
É muito leve esse livro e eu gostei muito do final! Vale muito a pena ler mesmo!

Postar um comentário

Siga as instruções abaixo:
- na área em branco abaixo deixe algum comentário sobre o post;
- no espaço "Comentar como:" escolha a opção que mais se adequar a você;
- clique no botão "Visualizar";
- e por fim, clique em "postar comentário".

ıllı BLOG NA PRATELEIRA ıllı

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Visitas

Link-me