sexta-feira, 13 de maio de 2011

Comentários: The Vampire Diaries (Season Finale) – 2x22 As I Lay Dying

Uma temporada emocionante, não poderia ter um final diferente. A CW transmitiu na quinta-feira, 12 de maio, o último episódio da segunda temporada de The Vampire Diaries repleto de surpresas e cenas dignas de choro e suspiros. Excelente episódio! A série é uma adaptação para a TV da saga literária escrita pela norte-americana LJ Smith.

Diferentemente do episódio passado, que foi repleto de cenas de ação, neste temos essencialmente conflitos humanos e suspense psicológico. Desde a primeira cena, acompanhamos o sofrimento de Damon, portador de uma ferida mortal causada pela mordida de um lobisomem. Interessante ver que a força que ele demonstrou ter quando Rose passou pela mesma situação há alguns episódios se foi, chegando ao ponto dele perder as esperanças e até tentar se matar. Eu tenho certeza que após esta fase marcante em sua longa existência, Damon será um homem/vampiro melhor. Querem apostar?!

Tá, tudo bem, a Elena às vezes é meio chatinha, mas ela tem sofrido muito nos últimos episódios. Tenho tido muita pena dela. Primeiro perdeu seus pais de criação, depois os biológicos, em seguida a tia e agora sofre com a morte eminente de Damon e com as conseqüências que Stefan vai passar para salvar o irmão... coitada, a personagem ganhou minha simpatia nesta segunda temporada.

Ótimas as cenas de flashback e de delírios do Damon. Ainda mais porque em certos momentos é impossível distingui-las. Provavelmente como indício de que Damon vai melhorar seu caráter na próxima temporada, novamente é mostrado que ele não era um homem ruim enquanto ainda era humano como também logo no início de sua existência como vampiro. A vida endureceu Damon e acredito que também a vida (ou o amor por Elena) é o que vai amaciá-lo novamente. Só espero que a Katherine não resolva aparecer e voltar a colocar “idéias” na cabeça de Damon na próxima temporada.

Eu assisti ao episódio online na quinta-feira, então acompanhei os comentários de outros fãs em tempo real no Twitter e afins. E um em especial me fez rir muito: “Elijah morre mais que o Goku”. rs Eu não assistia ao Dragon Ball Z, mas a tirada foi muito engraçada. De fato, Elijah já morreu demais (eu contei pelo menos 3 vezes). Mas é bem capaz dele aparecer novamente no seriado já que a adaga usada para matar um Original precisa permanecer no corpo dele... quem sabe alguém não a retire e Elijah volta a aparecer (e morrer) no seriado. Eu espero que sim, pois assim os Salvatores terão um aliado para matar Klaus!

A cena do feitiço de ressurreição da Bonnie também foi muito boa. Super dramática. A atriz que interpreta a personagem, Katerina Graham, está muito bem nesta temporada e, nesta cena em especial, foi ótima! O suspense após o término do feitiço foi muito bom... cheguei a pensar que Jeremy tinha mesmo morrido.

Uma das cenas mais emocionantes do episódio foi a reconciliação de Caroline e sua mãe. Tendo sua eficiência questionada por Carol Lockwood, a xerife Forbes cometeu tudo quanto foi erros neste episódio: deixou Damon fugir, prendeu Elena e, o pior de todos, matou Jeremy. Acho que isso a fez perceber que ela, uma humana, não é tão melhor que um vampiro. Acho que mais do que uma cena de reconciliação, foi um momento de superação da personagem, que teve que aprender a vencer seus preconceitos em nome do amor que sente por sua filha. Muito bonita mesmo a cena!

Falem o que for, mas o grande herói do seriado é o Stefan. Em nome do amor que sente pelo irmão, ele abraçou o demônio que vive dentro dele voltando a beber sangue humano. E mais do que isso, ao aceitar a proposta de Klaus ele está abrindo mão de todos os seus princípios, da cidade onde mora e, principalmente, da mulher que ama. Mesmo assim ele tomou esta decisão e conseguiu o que queria, salvou Damon!

Enfim o beijo entre Damon e Elena aconteceu. Na verdade, enfim aconteceu um beijo dado por Elena, por vontade própria. Um dos principais conflitos psicológicos da trama agora foi exposto: Elena tem sentimentos pelo cunhado. Tudo bem que Damon estava no seu leito de morte, mas acho que era exatamente isso que precisava para ela confessar para si mesma que gostava dele. Eu aposto que na próxima temporada ambos vão tentar evitar que este sentimento aflore, por causa de Stefan, mas não vão conseguir. Logo logo Elena vai admitir que, assim como Katherine profetizou, ama os dois irmãos Salvatore. Hum, o clima do seriado vai esquentar!

Adoooro o Stefan malvado! A terceira temporada trará muitas cenas fortes com o caçula dos Salvatores neste estado e com Damon fazendo o papel de bonzinho. Tem tudo para ser a melhor temporada de todas!

Eu estava mesmo me perguntando qual seria o novo ser sobrenatural abordado pelo seriado. Além dos vampiros, já tivemos lobisomens, bruxas e híbridos. E eis que no final temos nossa resposta, Jeremy, após voltar dos mortos, agora consegue ver fantasmas. Super legal, adorei essa surpresa no final. Provavelmente vamos rever vários personagens bons do seriado além de Anna e Vicky. Aposto que John, Jenna, a vampira Lexi e até mesmo Elijah vão fazer uma participaçãozinha na próxima temporada.

Este episódio foi um dos melhores em questão de trilha sonora. Quatro ótimas canções que seguiram bem a linha do episódio. Como não tivemos muitas cenas de ação, as músicas são calmas, lentas... e lindas.

De uma forma geral eu adorei a segunda temporada como um todo. Com certeza superou a primeira. Os pontos fortes foram as aparições de Katherine e as mudanças de atitude de Damon. Mesmo a fase morna com os lobisomens não atrapalharam, matendo a qualidade da segunda temporada de The Vampire Diaries. O jeito é esperar a próxima, que deve começar só no final do ano... infelizmente.

E vocês, o que acharam deste final de temporada? Comentem... adoro ouvir vocês, fãs de TVD!

Beijinhos! Fiquem com Deus!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Visitas

Link-me