quarta-feira, 18 de maio de 2011

Resenha: Fazendo Meu Filme 1 – A Estreia de Fani

Adoro ler bons livros nacionais. Fato! E quando a obra é apaixonante da primeira a última página, então, merece toda minha dedicação numa resenha. Este é o caso do excelente Fazendo Meu Filme 1 – A Estreia de Fani, da mineira Paula Pimenta, primeiro volume de uma saga literária lançada em 2008 pela editora Gutenberg. Assim como diria a protagonista da obra, o livro merece “5 estrelinhas!”.

Sinopse: Tudo muda na vida de Fani quando surge a oportunidade de fazer um intercâmbio e morar um ano em outro país. As reveladoras conversas por telefone ou MSN e os constantes bilhetinhos durante a aula passam a ter outro assunto: a viagem que se aproxima. “Fazendo meu filme” nos apresenta o fascinante universo de uma menina cheia de expectativas, que vive a dúvida entre continuar sua rotina, com seus amigos, familiares, estudos e seu inesperado novo amor, ou se aventurar em outro país e mergulhar num mundo cheio de novas possibilidades.

O principal ingrediente do livro, que faz o leitor se apaixonar de cara, é sem dúvida a proximidade com a nossa realidade aqui no Brasil. Por ter sido escrito por uma autora nacional, é possível se identificar facilmente com a trama e aventuras de Fani e seus amigos. Nada de “líderes de torcida”, “aulas de biologia dissecando sapos” e demais clichês encontrados tão facilmente em livros estrangeiros da atualidade.

Fani tem uma típica vida de adolescente, com suas dúvidas, seus medos, suas conversas e segredos com amigos. Em diversos momentos relembrei a minha adolescência nas páginas deste livro. A paixão por professores e por melhores amigos, a vergonha na hora de expor seus sentimentos, o medo de encarar a vida adulta, o pavor das provas do final de ano... quem nunca passou por tudo isso?!

O livro é narrado em primeira pessoa, o que aproxima ainda mais o leitor à personagem principal. Durante a trama, a escritora usou alguns recursos que deixaram a leitura ainda mais fácil e leve como conversas em MSN Messanger, bilhetinhos e contracapas de CDs. E esses detalhes ganharam um carinho especial da editora, pois todos receberam fundo e fontes diferenciados durante a diagramação. Muito legal!

Um diferencial na obra é que, usando como gancho a paixão da Fani por cinema, logo no início somos apresentados a uma lista com os 55 filmes preferidos da protagonista. No início de cada capítulo, há um trecho de um diálogo de uma das 55 produções que fazem uma ponte ao que será apresentado naquela parte da história.

A capa e contracapa do livro são LINDAS! Eu tenho a 5ª edição da obra, então a editora provavelmente já fez algumas modificações na arte... que ficou um primor! Além das imagens relacionadas à trama, tem uns detalhes em papel brilhante e alto-relevo e uma área muito legal com trechos de depoimento de leitores do livro. Verdadeiramente esta capa entrou na minha lista de preferidos.

O único problema de ler este livro é a nostalgia que ele me trouxe. Morri de saudade da minha adolescência. Mesmo! Ainda mais porque devido a alguns detalhes citados na história (como estréias de filme no cinema), a Fani teria hoje quase a minha idade. Mas, mesmo assim, a obra é atemporal.

O site da saga literária é uma graça: http://www.fazendomeufilme.com.br/. Lá além de ficar por dentro dos três livros já lançados da série, você pode conferir trechos de filmes e as músicas citadas na obra. AMEI!

A autora Paula Pimenta anunciou em seu Twitter que dia 10 de setembro, durante a Bienal do RJ, vai lançar uma nova saga chamada Minha Vida Fora de Série... vou tentar estar presente nesse lançamento. Depois conto tudo para vocês. Prometo!!!

Adorei o livro e super recomendo! Logo logo começo a leitura do segundo volume da saga... estou ansiosa! ^-^

Ficha Técnica:

Título Original: Fazendo meu filme 1 – A estréia de Fani
Autor: Paula Pimenta
Ano de lançamento no Brasil: 2008
Editora: Gutenberg
Minha avaliação:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Visitas

Link-me