segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Resenha: Beijada por um anjo 3, Almas Gêmeas, de Elizabeth Chandler

Com uma história “amarradinha”, o livro Almas Gêmeas (Soul Mates), da escritora norte americana Elizabeth Chandler, fechou de forma eficiente a trilogia Beijada por um anjo (Kissed By an Angel). Adorei a forma como o final foi coerente e como a história ficou sem pontos pendentes ou mal explicados. Os livros, que passarão a ser uma série literária com o lançamento de mais duas obras, foram publicados aqui no Brasil pela editora Novo Conceito.

Sinopse: Tentando voltar a sua vida normal, acontecimentos estranhos deixam Ivy assustada. Seus pesadelos ficam cada vez mais claros e ela tenta se lembrar com mais detalhes de tudo o que aconteceu na noite do acidente. O quebra-cabeça começa a ser montado, mas para que ela descubra toda a verdade e livre-se do perigo constante que a rodeia, ela precisa da ajuda de Tristan. E com o passar do tempo ela volta a sentir a presença de seu amor e então, juntos irão lutar para que Ivy sobreviva. Mas ainda há uma grande dúvida no coração de ambos: se Tristan salvar Ivy isso significa que sua missão na Terra terá terminado?

Já comentei aqui no blog algumas vezes que gosto muito desta série. Apesar de nunca ter dado mais do que 3 estrelas (numa escala de 1 a 5) para ela, acho que das séries literárias com tema celestial da atualidade, esta sem dúvida é a melhor. Ainda acredito que, por ser tão curta, a trilogia poderia ter sido escrita em um único livro, mas de uma forma geral Beijada por um anjo traz ao leitor uma história essencialmente romântica, que convence nos detalhes. Na forma pura e sincera como tudo é narrado.

O amor entre o casal principal, Tristan e Ivy, continua forte e neste livro, com a volta da crença dela em anjos, eles podem se comunicar. Mas apesar do que possa parecer, este fator não é um elemento para cenas apaixonadas de declarações de amor. Na verdade, Almas Gêmeas, é o livro mais intenso da trilogia. É a obra que mais trata sobre o mistério principal da trama: quem matou Tristan e está tentando matar Ivy, e por que disso.

Mesmo tendo um final que eu poderia chamar de previsível, a história termina de forma coerente. É fácil acreditar e entender o porquê a autora seguiu este caminho. Acredito que todo leitor deve terminar a saga com a sensação de dever cumprido. Tudo é explicado e justificado.

Apesar disso, desta coerência na solução do mistério, alguns aspectos me incomodaram um pouco. Especialmente alguns “poderes” novos de Tristan e um amor platônico entre dois anjos. Tudo isso ficou um pouco sem sentido na história. A impressão que eu tive é que apesar de Beijada por um anjo ter sido escrita inicialmente para ser uma trilogia, a autora já tinha em mente que faria uma continuação e por isso deixou alguns pontos dignos de mais explicações.

Atualmente, Beijada por um anjo é uma trilogia, com todos os livros já lançados no Brasil e resenhados aqui no blog:

#3 - Beijada por um anjo, Almas gêmeas

Mas, como já comentei, a editora Novo Conceito informou que a trilogia vai virar uma série, mas ainda não há informações sobre o lançamento aqui no Brasil do 4° livro, publicado nos EUA com o nome “Evercrossed”.

Beijada por um anjo é uma boa série para quem gosta de romance com um toque sobrenatural. Para amantes de mocinhos apaixonados, mocinhas sofredoras e uma trama cheia de mistério, a saga é um prato cheio. Vale à pena! Sentirei falta dos livros! ;-)

Ficha Técnica

Titulo Original: Kissed by an angel #3, Soul Mates
Título Nacional: Beijada por um anjo #3, Almas Gêmeas
Autor: Elizabeth Chandler
Ano de lançamento no Brasil: 2010
Editora: Novo conceito
Avaliação:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Visitas

Link-me